26 de abr de 2012

MIRAGEM




"Não entendo o teu silêncio
Permanece e não se manifesta
Diate dos meus olhos
Se movimenta, mas não emite som


O que quer dizer, desse jeito?
Use suas cordas vocais
Ou me escreva a tua mente
Não entendo teus sinais


Tão presente, mas distante
Ainda te vejo, sem tocar
Tuas pegadas na areia
Meu deserto sem teu mar


Quisera eu acordar
E entender este sonho
Não faço ideia, no entanto
De onde você foi parar


Como miragem, ao longe
Uma ilusão
Cada vez mais você some
Do meu coração"
Thiago Lamas

Nenhum comentário:

Postar um comentário