22 de jun de 2012

PARTE DE MIM MORREU


"Pensei em sentar e escrever um poema, mas tenho sentido algo tão intenso e doloroso e ao mesmo tempo em minha cabeça um milhão de pensamentos estão correndo desordenados, que resolvi apenas descarregar o que estou sentindo sem me importar muito com o sentido que isso terá.
O que posso fazer se não sou capaz de controlar o que sinto? Isso tomou uma proporção tão grande na minha vida que parece que perdi o chão sob os meus pés.
Eu quero esquecer e fugir, deixar isso tudo para trás, mas ao mesmo tempo quero estar perto e cuidar. Em meio a essa indecisão eu vou me ferindo.
Não me arrependo das lágrimas que deixei cair nessa madrugada, muito menos de não ter pregado os olhos pensando em tudo. Não me arrependo da dedicação, do carinho, da atenção e de tudo que eu dei.
Eu não posso exigir nada de ninguém, mas até quando irei contra aquilo que desejo?
Descobri que pessoas legais nunca serão boas o bastante. Que se dedicar na maioria das vezes não lhe fará conquistar aquilo que você deseja. Que esperar não lhe trará o que seu coração pede. Que amor não se conquista, se ele não veio com seus esforços, desista. Quanto mais tempo você dedicar, mais irá sofrer.
Hoje eu consigo ver a diferença entre minhas fantasias e o mundo real.
O príncipe encantado não irá surgir no horizonte montado em seu cavalo branco, disposto mudar minha vida e me levar pra longe do inferno em que eu vivo. A lógica dos contos de fadas só existe nos livros infantis.
Grandes amores que superam grandes problemas, só são possíveis nas novelas.
As pessoas só fazem coisas surpreendentes para ficar junto de alguém nos filmes de Hollywood.
Não estou incentivando ninguém a desistir, muito menos tomar tudo o que eu disse como uma verdade única, mas hoje parte de mim simplesmente morreu!"
Aline Alves

Um comentário:

  1. eu sei o que voce sente, uma parte boa de mim morreu tambem, nao existe princesas tambem, um unico amor que tive de verdade me abandonou e me trata friamento comos e tivesse gelo nas veias, hoje eu sou uma sombra do que ja fui, sorrir? nao conheço isso, tristeza? está constantemente em minha vida, o que eu represento, o que eu sou , incomoda algumas pessoas, nao posso mudar meu eu, mas entao nao sou mais aceito, dedicar, nao se deve dedicar, porque a decepçao é enorme. voce esta certa em tudo. eu nao acredito mais na alma gemea, meu mundo foi pura decepção.

    ResponderExcluir