23 de abr de 2012

UMA ROSA


"Uma rosa. Ah... Apenas uma rosa...
Uma rosa sozinha não é capaz de perfumar um jardim, mas pode perfumar o teu quarto.
Uma rosa pode não enfeitar um bosque inteiro, mas tomaria destaque entre seus cabelos.
Uma rosa não é capaz de substituir um buquê, mas pode representar muito mais vinda de um coração apaixonado.
Uma rosa... Apenas uma rosa...
Grandes presentes podem se perder no tempo, mas a rosa guardada dentro do livro é capaz de despertar lembranças adormecidas, resgatar palavras perdidas no vento, reacender a chama apagada ou simplesmente fazer a lágrima contida se libertar.
Uma rosa entre outras é apenas uma rosa, mas uma rosa dedicada a quem se ama passa a ser a representação do mais nobre dos sentimentos, tornando-se assim o centro de tudo que pode existir.
Uma rosa para mim, nunca será só uma rosa... Está na minha pele, no meu imaginário... Simplesmente em mim!
Uma rosa... A minha rosa... Para sempre a rosa..."
Aline Alves


Nenhum comentário:

Postar um comentário