6 de mai de 2012

PELOS BECOS DA CIDADE




"Ando perdido na escuridão
Pelos becos da cidade
Atrás de qualquer emoção
Usando essa malquista liberdade


Quisera eu estar em casa
Vendo TV ao lado do meu amor
Mas pra fazer já não há nada
Então saio em busca de calor


Eu sei, é algo de momento
O frio volta a consumir
Retorno e tranco a porta por dentro
Me escondo e volto a me iludir


Por onde anda você esta noite?
Será que algum dia eu te encontro?
Que seja ao acaso, por sorte
Ou resultado da busca por todo canto


Mas por hoje eu estou sozinho
Estou gelado por fora e por dentro
Em meio à madrugada, só eu caminho
Procurando por algo que ainda não tenho"
Thiago Lamas

Nenhum comentário:

Postar um comentário